24 de fev de 2010

O SEQUESTRO

JOSE AMAURI CLEMENTE
Todos os direitos reservados
Fevereiro 2010


Com mãos tremulas e agitadas o pai corre ao telefone após ouvir o toque a horas esperado.
- Alô!
Uma voz autoritária exige algo praticamente impossível em troca do filho mais novo que a três dias está em poder dos seqüestradores:
- Queremos seu filho mais velho em troca do que está em nosso poder. Tens 24 horas para nos mandar o outro ou o mataremos.
Sem prolongar o diálogo o telefone é desligado.
O desespero aumenta ao dar a noticia para os aflitos que esperam ao lado do telefone.
- Mais isso é impossível!
- Foi o que exigiram. Temos que escolher, ou entregamos o nosso filho mais velho ou eles matarão o mais novo.
Sem pensar duas vezes o filho mais velho resolve se entregar pelo irmão. Retornada a ligação o acordo é feito. Em um jardim próximo dali o filho mais velho seria entregue para salvar o mais novo.
Aquela foi a noite mais longa de todos os tempos. Ao amanhecer, um corpo é jogado em frente a morada da família, é o filho mais velho que foi torturado durante toda a noite e entregue para ser sepultado.
- Onde está o filho mais novo? Por que ele não chegou? Será que o mataram também?
As interrogações são interrompidas pelo toque do telefone.
- Olha, teu filho mais novo tem direito a vida, pois o que queríamos já conseguimos, pode vir buscá-lo.
Mais que depressa o pai se prepara para ir buscar o filho salvo pela morte do irmão. Quão grande foi a surpresa ao chegar ao local. Encontra o filho mais novo se divertindo junto com os seqüestradores. O sorriso nos lábios é visível, pouca importância dar ao ver o pai abrir os braços em direção ao filho.
- Tão cedo pai! Preciso me divertir mais um pouco.
- Filho, eu vim te buscar. Teu irmão deu a vida para que você fosse livre.
- Eu sei pai, mas prefiro ficar mais um pouco. Estas pessoas não são tão ruins quanto você pensa, eles são meus amigos, olha que festa eles preparam para mim.
O pai permanece de braços abertos esperando ver o filho correr em sua direção para pelo menos aliviar a dor da perca do filho mais velho.
- Sinto muito pai. Eu prefiro ficar com os seqüestradores.

MORAL.
Um dia este mundo foi seqüestrado pelo mal, a única pessoa que poderia nos salvar era JESUS. Nosso irmão mais velho se dispôs a morrer pelos nossos pecados, no entanto preferimos ficar com o seqüestrador que oferece tão pouca coisa comparada ao amor do FILHO MAIS VELHO.

Nenhum comentário:

Postar um comentário