15 de jun de 2010

UM CONTO TROCANDO OS PONTOS


ASSIM CAMINHA A HUMANIDADE

Todos os direitos reservados:

José Amauri Clemente





Filomena arregala os olhos ao ver Frederico vindo em sua direção:

- Menino o que aconteceu? Que sangue é esse em tuas mãos homem?!

- Nada! Coisa boba. Fui descascar um coco e me cortei com a faca.

- Foi fundo o corte?

- Não, feriu pouco, vou até a farmácia pedir pra fazerem um curativo.

- Vai cuidar disso logo, pode infeccionar.

- Não, vou cuidar imediatamente.

Mal Frederico dobra a esquina, filó corre para a casa da vizinha.

- Bel, você viu o corte horrível nos dedos do Frederico?!

- Não, o que foi?

- Ele disse que não feriu pouco. Pelo jeito deve ter atingido todos os dedos.

- Ta muito infeccionado?

- A estas alturas acho que sim, e ele disse que não ia cuidar imediatamente.

- Do jeito que ele é despreocupado vai terminar infeccionar o braço todo.

- Vira essa boca pra lá. Ele tem mesmo é que se cuidar. Preciso ir, fica ai torcendo por ele.

Logo que Bel fica sozinha vai ao telefone e liga para Nicolau:

- Cunhado, você não sabe o que aconteceu com o Frederico.

- Que foi que houve?

- Sofreu um acidente, está com o braço todo infeccionado, a boca dele está virada pra lá e é preciso cuidar.

- Não me diga que ele vai morrer?

- Não! Acho que ele está no hospital, espero que o caixão não o leve.

- Você acha que ele vai morrer?!

- Não! Vamos rezar por ele

- Liguei só pra te dar a noticia, tô indo pra missa.

Nicolau aproveita o msn e passa as informações para a namorada:

- Mozinho você não vai acreditar..

- Em que?

- O Frederico ficou com um lado paralisado e não foi ao hospital, acho que morreu. Já estão esperando que levem o caixão.

- Onde será que ele está agora?

- O corpo vai ser velado na igreja, a Bel já está indo pra lá, e disse que não vão rezar por ele.

- Que covardia! Vão enterrar o coitado sem nem se quer rezar?

- Não! Chama o padre, por favor! Te espero lá na igreja. Thal!


- Que absurdo! A que mundo nós chegamos!

- O que foi filha?

- O Frederico morreu e a família não quer que chame nem o padre pra rezar a missa.

- É por causa dessas coisas que o mundo ta de cabeça pra baixo. Misericórdia! Velório sem reza só dá falatório.

Nenhum comentário:

Postar um comentário