8 de abr de 2013

VERDADE X VERDADE (???)



Em meio a tantos problemas a serem discutidos e protestados no Brasil, a população e a Mídia insistem em “avacalhar” os noticiários com a suposta homofobia do Deputado Marcos Feliciano. Segundo os simpatizantes do movimento gay, o deputado é racista preconceituoso e homofóbico, suas opiniões em relação aos movimentos LGBT e LGBTTTs torna-o impossibilitado de ser presidente da Comissão de Direitos Humanos da Câmara dos Deputados.
Sendo o Brasil  um país livre onde todos têm  o direito de  escolher a opção sexual, religiosa e livre forma de expressão, (desde que não venha ferir a Constituição), entendo que o Deputado tem todo direito de expressar sua opinião em relação ao assunto.
Marcos Feliciano é pastor da Assembleia de Deus, Ministério Catedral do Avivamento  e foi INFELIZ ao afirmar que os africanos são amaldiçoados (não se sabe baseado em que esta afirmação.) A Bíblia afirma o contrário: "Visto que Abraão certamente virá a ser uma grande e poderosa nação, e nele serão BENDITAS  todas as nações da terra"  (Gênesis 18 : 18).
É verdade que o movimento homossexual tem sido alvo de violência não só no Brasil, mas ao redor do mundo, isto deve ser motivo de protesto e punição severa contra os verdadeiros homofóbicos.
Homofobia nada mais é do que um termo utilizado para identificar o ódio, a aversão ou a discriminação, seja de forma sutil, silenciosa ou de forma aberta de uma pessoa contra homossexuais e, consequentemente, contra a homossexualidade. Não há relato que Marcos Feliciano Perseguiu, violentou, matou ou cometeu qualquer outro crime que possa ser enquadrado nestes termos. O questionamento é: Por que não se faz movimentos e protestos contra a corrupção em Brasília, aumento abusivo no salário dos deputados e senadores, candidatura dos fichas sujas e outros absurdos causados pelos líderes que representam a nação?
A verdade é que toda esta perseguição (que de uma forma ou de outra tem ajudado na divulgação do partido PSC) está acontecendo pelo fato de Marcos Feliciano ser evangélico. Isto também não é crime? Ser Homofóbico é crime. E ser “Cristofóbico”? não?
É homofobia acreditar que o casamento foi idealizado por Deus apenas entre um homem e uma mulher?  A constituição assim afirma. Repito: Entre um homem e uma mulher.
Todos têm o direito de decidir por sua opção sexual, assim como tem a obrigação de respeitar, embora não aceite a opinião dos que não apoiam o casamento entre pessoas do mesmo sexo.
A luta dos evangélicos NÃO é contra a Lei que protege os homossexuais (PL122), é sim, contra oficialização do casamento entre pessoas do mesmo sexo.
É totalmente ACEITÁVEL o projeto de Lei PL122, desde que o artigo  8º seja revisto:
Art.-  8º–B Proibir a livre EXPRESSÃO E MANIFESTAÇÃO DE AFETIVIDADE do cidadão homossexual, bissexual ou transgênero, sendo estas expressões e manifestações permitidas aos demais cidadãos ou cidadãs:
Pena: reclusão de 2 (dois) a 5 anos.
Estará o proprietário de qualquer estabelecimento obrigado a aceitar  em um recinto familiar as caricias de duas pessoas do mesmo sexo, sendo sujeito a reclusão apenas por não permitir tal ato?
Acredito que este projeto de Lei deveria ser visto com mais atenção a fim de não  abrir brechas para uma futura geração que não saiba fazer distinção.
Se comprovado que Marcos Feliciano tem preconceito contra os afrodescendentes ou qualquer outra raça, religião ou a pessoa homossexual, que seja afastado do cargo, mas simplesmente por não aceitar o ATO  homossexual isto  não é motivo para  seu afastamento. 


JOSÉ AMAURI CLEMENTE








Um comentário:

  1. Muito boa sua abordagem, coerente e de facil compreensao e acrescento mais, nao é papel de um evangelico criar polemicas, pq foi isso q se tornou, mais uma polemica pra midia distrinchar. Abracos.

    ResponderExcluir