1 de abr de 2015

JÁ NÃO SEI O QUE É PIOR

AUTOR: JOSÉ AMAURI CLEMENTE

Lembro o ontem como se fosse agora
Desejando que o ontem hoje voltasse
Como sempre a mim tu maltratasse
A saudade maltrata o peito agora
Lembro triste os momentos de outrora
Que eram poucos momentos de alegria
Pois em mim desse um banho de água fria
Minha vida jogasse no recanto
Quem eu tanto amei chorando tanto
Hoje passa por mim sem dá bom dia

A distância de ti me deixou perto
Do stress e da beira da loucura
Seu amor para a mim seria a cura
Desse sol que me queima no deserto
Meu viver dessa forma é incerto
Não consigo viver nessa agonia
Sonho a noite que vou te ter um dia
Mesmo que essa dor cale o meu canto
Quem eu tanto amei chorando tanto
Hoje passa por mim sem dá bom dia

O sorriso que brota do teu rosto
Faz chorar quem por ti perdeu o sono
Vivo tão infeliz no abandono
Quem me ver nota logo meu desgosto
Teu olhar nos meus olhos sempre exposto
Não consigo esquecer se quer um dia
Já não sei se é pior agonia
De viver ao teu lado ou no meu pranto
Quem eu tanto amei chorando tanto
Hoje passa por mim sem dá bom dia

Se viver ao teu lado causa pena
Viver longe de ti traz desgraça
Já tentei fazer tudo mais não passa
O teu corpo me segue em cada sena
A lembrança dos beijos me envenena
Mesmo assim era tudo que eu queria
Em pensar de nunca te ter um dia
Nem a morte me causa tanto espanto
Quem eu tanto amei chorando tanto
Hoje passa por mim sem dá bom dia


Se chorando eu sorria ao teu lado
Hoje choro por não ter mais sorriso
Hoje sei foi maior o prejuízo
Do que tudo que sofri no passado
Quem me dera tivesse conformado
Com os tristes momentos de alegria
Quem me dera poder voltar um dia
Mesmo em choro abraçar teu corpo santo
Quem eu tanto amei chorando tanto
Hoje passa por mim sem dá bom dia

TODOS OS DIREITOS RESERVADOS