6 de out de 2010

TIRIRICA, UM PALHAÇO NO LUGAR CERTO.


Há muito se sabe que o povo brasileiro tem sido expectador e objeto de espetáculo do grande “circo” chamado Brasil. Verdadeiros cidadãos que fazem acrobacias, malabarismo e caminham na corda bamba para se manterem, precisavam de alguém que verdadeiramente se considerasse o “palhaço da história”.

Como resposta ao descaso causado pelos nossos “representantes” de Brasilia, os eleitores de São Paulo resolveram eleger para Deputado Federal, com mais de um milhão de votos (1,35 milhões) o cidadão Francisco Everardo (é everardo mesmo) mais conhecido como Tiririca, um dos humoristas mais queridos do Brasil.

Em sua campanha na televisão, o palhaço mostrou quem realmente é (ao contrários dos outros), sempre aparecia vestido de palhaço, falando com sotaque único do tiririca e dizendo que não sabe o que faz um Deputado Federal.

O que fez este homem de família humilde, sem nenhum diploma universitário, sem saber nem mesmo ler e escrever, ter uma votação tão grande no Estado de São Paulo a ponto de ser o Deputado mais votado do país com mais de 500 mil votos à frente do segundo colocado, o ex-secretário paulista da Educação, com diploma universitário Gabriel Chalita, com 559.118 votos?

A resposta é uma só. O povo cansou de confiar nos que se dizem honestos e que mesmo sem fantasia externa estão disfarçados de ovelhas para enganar os eleitores. Pelo menos esse não vai esconder da população que é um palhaço profissional, talvez não faça muita coisa em Brasília, mas os que depositaram o voto de confiança sabem realmente que se ele não fizer nada como representante do povo, podem chamá-lo de palhaço sem estarem sujeito a um processo judicial. Se “grandes” homens há tanto tempo no poder não mostraram praticamente nada a não ser escândalos e robalheiras, talvez um “homem palhaço” (que não esconde o que é) possa fazer algo pelos espectadores. Esperamos que pelo menos em Brasilia não seja mais uma de suas palhaçadas.

Aguardemos o fim espetáculo.


Todos os direitos reservados

José Amauri Clemente

Informações sobre a quantidade de votos dos candidatos eleitos: www.folha.uol.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário